10.3.08

Lançamento



O Lançamento do livro “Asas Quebradas” Uma edição da Corpos Editora dos Autores Nadir & John, vai ter lugar no próximo dia 29/03/2008, na Galeria de Arte da Praça do Mar em Quarteira pelas 15:30 horas.

O primeiro livro dos autores, narra uma história metafisica que toma corpo para além das barreiras do tempo, onde a espiritualidade dos protagonistas nos transporta a um mundo, não muito longe da realidade de alguns casais nos dias que correm.
Um romance em prosa poética, cujo efeito é uma jornada literária interessante e rica em sentimentos, emoções e viagens misticas…

Este evento conta com o apoio da Câmara Municipal de Loulé.

Informações e contacto:
E-mail: meuquerido.diario@gmail.com



Os Autores:

Nadir
Data de nascimento: 18 de Outubro de 1970
Naturalidade: Angola
Nacionalidade: Portuguesa
Site: www.ridanfeelings.blogspot.com

Sendo secretária de profissão desenvolvi o gosto pela escrita. O universo das letras, tão relevante, como forma de expressão...
Rabiscos...um aglomerado de letras que juntas se vão transformando em palavras, em frases, em expressões, esboços que revelam sentimentos, emoções, que contam momentos... momentos que contam uma história...
Reflexões de momento, criadas pelos estados de espírito e sentimentos que, em determinada altura afloram ao pensamento...
As coisas mais loucas que escrevo, são palavras que brotam num momento, e que passo rapidamente para o papel sem pensar...
São palavras que vem de dentro, por isso talvez difíceis de explicar... Para quem escreve, faz todo o sentido, embora pareça loucura aos olhos dos outros...




John
Data de nascimento: 14 de Janeiro de 1978
Naturalidade: Portuguesa
Site: www.diariojohn.blogspot.com
Sendo uma pessoa formada em gestão e finanças, admito que as letras não fazem parte da minha área de estudo.
No entanto, de há tempos para cá, tenho desenvolvido um gosto pessoal em exprimir os meus sentimentos por meio da escrita, em prosa ou poesia.
Desde muito novo que adoro ler. Leio quase tudo o que encontro! Mas do ler ao escrever... vai uma distância abismal!
Tenho descoberto que toda a base de leitura que adquiri tem-me dado uma ajuda preciosa para conseguir escrever e ordenar as minhas ideias de forma correcta, no entanto estou perfeitamente ciente que não passo de um leigo neste mundo.
Mesmo assim, procuro dar o meu contributo, porque acredito que ao escrever estou a desenvolver-me como ser humano... Considero mesmo a escrita como parte essencial da minha vida presente e certamente futura...


O Livro:
Um romance em capítulos ilustrados, uma narração metafísica que toma corpo para além das barreiras do tempo, onde a espiritualidade dos protagonistas, nos transporta a um mundo, não muito longe da realidade de alguns casais nos dias que correm… Encontros e desencontros, alegrias e tristezas, traições e sofrimentos…
A força e a importância do amor na eternidade de um tempo, cujos mistérios são o segredo bem guardado que o futuro esconde…
O resultado é uma jornada literária interessante, rica em sentimentos, emoções e viagens místicas…
Uma edição da Corpos Editora com uma tiragem de 300 exemplares, de grande qualidade, em capa dura devidamente registado no ISBN e disponível na Biblioteca Nacional.
Pode ser adquirido através do e-mail disponibilizado pelos autores ou directamente no site da Corpos Editora por todos aqueles que estiverem interessados a partir do dia 30 de Março de 2008.

A Editora:
A Corpos Editora, sediada em Vila Nova de Gaia, foi fundada em 6 de Maio de 2000, por Ex-Ricardo dePinho Teixeira e Adriana Pereira. Enquanto editora literária, editou já cerca de 300 obras, essencialmente de jovens autores. O seu domínio editorial estende-se desde a poesia, ao livro infantil, passando pela prosa e pela fotografia. Promovem também o teatro, a fotografia e as mais diversas artes. Apostam na interacção entre as mais variadas expressões artísticas através dos seus eventos Corpos, transformando o espaço no rosto já característico da editora.
Os “Maços de Poemas” foram a primeira obra lançada pela editora. Criação de Ricardo dePinho Teixeira, co-fundador da Corpos, foi o primeiro de vários livros-objecto. Estes novos conceitos de livros, característicos da editora, não só transformaram o conceito do livro em si, mas também possibilitaram chegar a uma nova geração de leitores que, atraídos pelo objecto, ganharam um novo gosto pela leitura. As colecções “Dos Que Têm Sede” e o “Greatest Hits” são disso exemplos.
Assim e nos anos seguintes a editora foi crescendo alicerçada na edição e criação de Adriana Pereira e do também escritor Ricardo dePinho Teixeira.
Em Abril de 2002, Paulo Cruz entra para designer da editora e vem ajudar a assumir um cada vez mais arrojo estético. No final desse ano, Ricardo assume a sua vida como forma de arte e encenação do seu Eu e ressurge como Ex-Ricardo dePinho Teixeira.
Em 2003, após algumas tentativas anteriores, a Corpos Editora assume, definitivamente, aquilo que as grandes editoras e o Estado se esqueceram: passam a editar, como grande aposta editorial, livros de autores desconhecidos do grande público. Fazem-no apenas usando o seu critério de qualidade. E fazem-no em grande: mais de 150 obras publicadas na iniciativa Ministério da Poesia.
No final do ano de 2004 surge a Colecção Nus, formato de livro de luxo, em capa dura, que dá ainda mais originalidade à editora.
Ao longo destes anos a Corpos investe também em eventos artísticos: faz uniões e pontes entre as várias artes: da fotografia à poesia, da pintura, ao teatro e à música. Estas características já tornaram os eventos Corpos em noites surpreendentes e cativantes para o público leitor e não só. A Corpos orgulha-se em formar a ponte entre a arte e o público leitor e não leitor. Esse é o verdadeiro público da Corpos Editora.
A Corpos Editora surge assim como um microfone para quem tem algo para dizer, uma casa aberta, um barco onde cabe sempre mais um…

Contactos:
info@corposeditora.com




Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial